Compass UOL mapeia estradas de mineração em tempo real

A Compass UOL, empresa especializada em transformação digital, inicia um trabalho com o uso da tecnologia SLAM – Localização e Mapeamento Simultâneos, desenvolvida com a utilização da Inteligência Artificial Generativa (Gen AI), como parte das ofertas da companhia.

A tecnologia permite mapear estradas de mineração. Além disso, reconhecer obstáculos que podem causar elevado consumo e desgaste, principalmente, nos pneus de veículos pesados. O novo recurso envolve a instalação de câmeras em caminhões que capturam imagens em tempo real durante o seu deslocamento.

Gostou desta notícia? Clique aqui e receba na hora pelo WhatsApp

Leia também:

Google Maps deixará usuário “desenhar” estradas para corrigir mapas

Goiás lança Mapa Rodoviário Estadual 2023 em versão para Google Earth

E se Asterix e Obelix usassem o Google Maps?

Aplicação no dia a dia

Na prática, a SLAM funciona por meio de sensores que criam mapas de ambientes simultaneamente em que determina a localização.

De acordo com a empresa, a tecnologia também é capaz de mapear e identificar vários tamanhos de pedras, além de poças d’água nas estradas. “Esse diferencial permite que empresas fornecedoras de pneus e indústrias de mineração, por exemplo, tomem medidas preventivas para aumentar a segurança nas estradas e a durabilidade dos pneus. A partir desta etapa, a solução pode indicar a melhor rota para o motorista. Até mesmo – em conjunto com sistemas de automação do veículo – a possibilidade para uma tomada de decisão autônoma”, explica Cleyton Ferreira, CTO da Compass UOL.

O executivo ressalta, ainda, que se trata de um recurso que coleta dados não estruturados do ambiente. E, também, utiliza algoritmos avançados para processar essas informações e criar um mapa tridimensional.

Outros benefícios

Com o uso da nova tecnologia, a Compass UOL auxilia empresas e indústrias por meio de relatórios completos e inteligentes. Dessa forma, utilizando como base os dados coletados durante o processo simultâneo de mapeamento e localização. “Esses relatórios podem ser utilizados por equipes de manutenção ou motoristas. Por meio das informações coletadas os clientes do setor serão capazes de tomar decisões sobre rotas, manutenção de estradas ou precauções adicionais”, afirma Ferreira.

De acordo com ele, os relatórios desenvolvidos baseados nas informações coletadas com a ajuda da tecnologia SLAM fornecem informações detalhadas, insights ​​e suporte à tomada de decisões em diversos setores. Assim, incluindo mapeamento de estradas, logística, automação industrial, robótica e entre outros benefícios. “Além da entrega dos relatórios, a Compass UOL pretende evoluir esse algoritmo e criar um aplicativo de navegação com a tecnologia SLAM para motoristas, como se fosse um GPS. O objetivo é proporcionar a detecção de obstáculos em tempo real. Além disso, recomendar rotas alternativas com base nas condições do tráfego naquele momento”, finaliza Cleyton Ferreira.

Fonte: Compass UOL

Veja também

Infra e Cidades

Moçambique aprova planos de ordenamento territorial

Por unanimidade, a Assembleia da República de Moçambique aprovou na semana passada três projetos de ordenamento do território. Os objetivos do Plano de Desenvolvimento Territorial, do Plano Especial do Ordenamento do Território do Vale do Zambeze e do Plano Especial do Ordenamento do Território da Ilha de Kanyaka e de

Geo e Legislação

Pela primeira vez, Brasil irá sediar o maior programa espacial do mundo

Em 1987, a Universidade Espacial Internacional lançou a primeira edição do Space Studies Program (SSP), realizada no Instituto de Tecnologia de Massachusets (MIT). Agora, pela primeira vez em sua história, o programa espacial será sediado no Brasil. Segundo anunciado pela universidade, a edição da iniciativa prevista para 2023 acontecerá em

Não perca as notícias de geoinformação