Curitiba lança consulta pública para geolocalizar mobilidade por app

A prefeitura de Curitiba iniciou uma consulta pública online para definir o formato de um aplicativo que contemplará todos os meios de transporte na cidade. Este aplicativo, financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), visa contratar uma solução que unifique diversos modais em uma única plataforma, incluindo a facilidade de pagamento in-app.

A administração municipal busca uma solução de código aberto, incorporando um aplicativo específico para os usuários. A ideia é que essa ferramenta atue como um centro tecnológico (backend), conectando os operadores de transporte aos operadores de Mobility as a Service (MaaS). O aplicativo integrará informações de mobilidade em tempo real, possibilitará o planejamento de viagens, acompanhará o usuário durante o deslocamento e permitirá a personalização do perfil e das preferências do usuário. Além disso, fornecerá dados abertos para a administração pública, auxiliando no desenvolvimento de políticas públicas com base nas informações coletadas.

Gostou desta notícia? Clique aqui e receba na hora pelo WhatsApp

Leia mais:

Censo mostra força de São Paulo, Fortaleza, Curitiba e Goiânia

Curitiba lança nova versão do seu geoportal

PR: IAT amplia uso de Inteligência Geográfica contra desmatamento

O aplicativo permitirá que os usuários planejem suas jornadas, compartilhem trajetos com terceiros e realizem pagamentos pelos diferentes modais diretamente na plataforma. A formatação do aplicativo foi debatida ao longo de dois anos, envolvendo especialistas do BID, universidades e entidades de apoio à mobilidade sustentável globalmente. Com a consulta pública, busca-se expandir essa discussão, possibilitando que a sociedade e empresas de aplicativos de mobilidade urbana contribuam com propostas.

Além de coletar ideias e sugestões para o aplicativo, a consulta pública visa mapear possíveis fornecedores. A prefeitura espera que a plataforma seja personalizada para atender às necessidades específicas de Curitiba, integrando diversos modais, como ônibus, táxis, bicicletas, aplicativos de transporte individual e carsharing. A ferramenta também terá recursos para sugerir rotas sustentáveis com baixa pegada de carbono, incentivar o uso do transporte público, gerar relatórios analíticos com inteligência de dados, possibilitar tarifas dinâmicas, agendar viagens, sugerir rotas turísticas e calcular a pegada de carbono.

A consulta pública da prefeitura de Curitiba fica aberta até 29 de fevereiro e pode ser acessada por este link. No início de abril será apresentado o relatório final da consulta pública.

Veja também

Geo e Legislação

NASA bate recorde de transferência de dados a Terra

O sistema TeraByte Infrared Delivery (TBIRD) da NASA é um pequeno satélite, com o tamanho de duas caixas de cereais unidas, que bateu um recorde de transmissão de dados a partir do espaço para a Terra. O sistema de comunicações baseado em laser transmitiu dados a partir da órbita da

Não perca as notícias de geoinformação